Zaha Hadid Architects projetará o novo Aeroporto de Navi Mumbai

Zaha Hadid Architects (ZHA) venceu um concurso internacional pelo projeto do Aeroporto Internacional de Navi Mumbai (NMIA). Um projeto de infraestrutura há muito aguardado para a maior cidade da Índia, o plano abrange problemas de capacidade para o Aeroporto Internacional Chhatrapati Shivaji (CSI) existente, que possui um terminal projetado pelo escritório SOM com sede em Chicago.

O escopo de ZHA abrangerá o projeto e a execução do novo edifício do terminal NMIA, uma Torre de Controle de Tráfego Aéreo e um acesso associado. O aeroporto estará situado no porto de Mumbai, conectado à cidade por uma ligação ferroviária planejada e acesso a redes ferroviárias nacionais.

O edifício do terminal e a pista de acompanhamento representam a primeira fase de uma estratégia que verá a construção de duas pistas de aterrissagem, com 80 vôos por hora. O esquema é concebido como uma instalação secundária para apoiar o aeroporto CSI de pista única, que atualmente funciona com uma partida por minuto.

Estamos muito orgulhosos de termos sido premiados com o Aeroporto Internacional de Navi Mumbai, que será uma adição tão necessária à infraestrutura de Mumbai e uma entrada adicional para a Índia. Nossa ambição é que o projeto fale com o futuro da Índia, enquanto celebra o presente e honra seu passado – Cristiano Ceccato, Diretor de Projetos, ZHA.

Com capacidade total projetada em mais de 60 milhões de passageiros por ano, NMIA simboliza a rápida expansão do setor de aviação da Índia, com o número de aeronaves operacionais aumentando em mais de 200% nos próximos anos.

O setor de aviação em todo o mundo está se movendo muito rápido… não podemos dar ao luxo de atrasar. Durante 70 anos, não houve política de aviação na Índia, que agora implementamos para fornecer conectividade total – Narenda Modi, Primeiro-ministro da Índia.

O primeiro-ministro Narenda Modi estabeleceu a pedra fundamental do novo aeroporto em fevereiro de 2018, com o projeto colocado em um cronograma rápido para a conclusão. Espera-se que os primeiros vôos decolem no final de 2019.

Notícia via: Zaha Hadid Architects.